Enter title here – já que este poema não tem título.

 

“O Antropofagismo Kani-Balístico
é Vigente
Vi gente devorando gente
sob a luz do dia
deglutição psíquica escancarada
partes humanas mordiscadas
nefasto hábito de seres que se julgam superiores
Não
Eles não vão me engolir
O meu sangue é acre
Minha carne é dura
E meu espírito?
Indigesto.”

Mariane Bigio

Anúncios

Sobre Mariane Bigio

Poeta e Videasta. Eu faço versos como quem chora, ama, brinca, ri.... Eu faço versos como que vive.
Esse post foi publicado em Poemeu - Verso livre. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s